19º BATALHÃO PM DA CIDADE DE PEDREIRAS (CPAI-1): 57 ARMAS DE FOGO TIRADAS DE CIRCULAÇÃO EM 2018. UMA MÉDIA DE 9,5/MÊS. POPULAÇÃO RESPIRA ALIVIADA

Comentários 0

O município de Pedreiras  tem uma população estimada  38.433 habitantes e fica localizado na região do Médio Mearim,  possuindo  uma área de 534,514 km², sendo um centro regional de abastecimento para dezenas de cidades na região  e concentra  órgãos regionais como Detran, Justiça Estadual e do Trabalho, Ministério Público, Defensoria pública, Caema, Funasa, OAB (Subseção de Pedreiras) e Secretaria da fazenda estadual e outros, dentre os quais o 19º Batalhão de Polícia Militar que tem a frente o Major PM Ricardo  Almeida de Carvalho que assumiu o comando em 19 de Outubro de 2017 em  uma solenidade que contou com as presenças de várias autoridades, dentre as quais o secretário de Segurança, Dr. Jeferson Portela e o comandante da Polícia Militar a época, coronel PM Pereira. O 19º Batalhão compreende 14 (quatorze) cidades.

MAJOR PM RICARDO

Logo após assumir o comando, o Major PM Ricardo reuniu com todos os policiais militares do Batalhão com um único objetivo: baixar os índices de criminalidade na região, especialmente no combate ao tráfico de drogas e apreensão de armas de fogo, usadas nos crimes contra a vida. Daí então montou o seu plano de trabalho e os resultados não demoraram a aparecer. Tendo como Subcomandante o Major PM Frans, imbuído do mesmo proposito, imediatamente vários traficantes foram presos, foragidos da justiça capturados, veículos roubados recuperados e armas de fogo apreendidas em grande escala.

FOTO: ILUSTRATIVA

Só no ano de 2018, nos seis primeiros meses, 57 (cinquenta e sete) armas de fogo foram tiradas de circulação, atingindo uma média de 9,5 armas por mês, o colocando como o Batalhão que mais apreendeu armas de fogo no âmbito do Comando do Policiamento de Área do Interior 1 (CPAI-1), bem como um dos Batalhões mais produtivos dentro do Estado do Maranhão. Para tanto um planejamento policial arrojado foi elaborado, dando  importância, principalmente, às abordagens. Boa parte das armas apreendidas foram tiradas de circulação pelas equipes da Força Tática Móvel que percorre todas as cidades que fazem parte do Batalhão em dias alternados, principalmente aos finais de semana.

Entre o início dos anos 1980 e 2016, o percentual de homicídios no país cometidos com armas de fogo subiu de 40% para 71% do total. Esse é mais um recorte do Atlas da Violência 2018 divulgado  no último dia  (5) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP). Estudos da Organização Mundial de Saúde (OMS), apontam o Brasil  como o líder em mortes por armas de fogo, dentre os 12 países mais populosos do mundo, seguido pelo México.

“Destaco como positiva a apreensão dessas armas, pois sabemos o que ela representa: que vidas foram poupadas. Continuaremos intensificando as operações e abordagens com foco também na apreensão de drogas, outra problemática que enfrentamos. Nosso objetivo é realizar o nosso trabalho sempre pautado no profissionalismo e na ética, contribuindo com a tranquilidade da população no quesito segurança pública”, frisou o comandante do 19º  BPM, Major PM Ricardo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.