BOM LUGAR, MA: PREFEITA LUCIENTE COSTA PEDE A EXTINÇÃO DO MANDATO DE TRÊS VEREADORES. PRESIDENTE DA CASA CONVOCA SESSÃO EXTRAORDINÁRIA PARA ESTA SEGUNDA-FEIRA (24)

Comentários 0

Que a cidade de Bom Lugar, distante 281 km da cidade de São Luís sempre foi uma cidade de muitas confusões políticas não é segredo para nenhuma pessoa.  O que nunca se tinha visto era um corre-corre para a aprovação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei de Orçamento Anual (LOA) do município, o que está acontecendo neste ano de 2018. Geralmente na maioria dos municípios brasileiros não há este problema, até porque a maioria dos gestores tem a maioria dos vereadores nas câmaras municipais, o que parece não ser o caso da prefeita Luciene Costa.

Porém, no município de Bom Lugar as coisas não andam muito bem entre o executivo e o legislativo. A prefeita Luciene Costa que teria começando a sua gestão com a maioria naquela casa, ou seja, dos onze vereadores eleitos tinha ao seu favor oito edis,  no momento  parece ter perdido força nas últimas semanas e hoje só poderia contar com o apoio  de cinco vereadores.

Sempre foram oposição a atual gestão os vereadores Agamenon Sampaio de Melo (Agamenon), Pedro Miranda Bezerra (Pedro Miranda) e Raimundo Pedro de Jesus Silva (Boré), só que nas últimas sessões este número ganhou em tese o apoio de mais três nomes Arilson Santos de Andrade, Renato Brito de Souza (Renato da Vertente) e Valdecy Gomes da Silva, que embora neguem estar na oposição têm faltado às sessões e dificultado por falta de quórum as votações  da LDO e LOA, que tem prazo final o dia 31 de dezembro.

Diante do impasse a prefeita da cidade Luciene Costa entrou com um requerimento junto a mesa da casa pedindo a cassação dos vereadores Arilson Santos de Andrade, Renato Brito de Souza (Renato da Vertente) e Valdecy Gomes da Silva.  O documento foi recebido pelo próprio presidente da casa, vereador Francisco Roniério  Silva, no último dia 21.

O que o povo ainda não conseguiu entender e porque a prefeita só pediu a cassação de três vereadores quando na realidade existem mais três que também estão faltando as sessões que aprovariam  o orçamento para o ano de 2019. Seria em tese uma represália pelo fato dos três edis terem “teoricamente” passado para o bloco oposicionista?

Muito se especula na cidade e nas redes e meios sociais, inclusive,  que a falta dos citados vereadores tem a anuência de alguns vereadores  “ditos” situacionistas. No requerimento enviado a presidência da casa legislativa, a prefeita alega que as faltas dos mesmos não foram devidamente justificadas, chegando a questionar a autenticidade das assinaturas dos vereadores  em atas de sessões anteriores.

Diante do abacaxi que o presidente da casa Francisco Roniério vai ter que descascar, este convocou uma sessão extraordinária para a tarde desta segunda-feira (24). Mas será que desta vez haverá quórum?

Com a palavra os vereadores, presidente do legislativo de Bom Lugar e assessoria da prefeita Luciene Costa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.