ROSEANA ESTÁ UMA ‘ARARA’ POR NÃO SER ESCOLHIDA MINISTRA DE TEMER

Comentários 0

imagem034

A ex-governadora do Maranhão, Roseana Sarney(PMDB) está uma arara por não estar entre os escolhidos pelo presidente interino Michel Temer como Ministra.

Com o afastamento de seis meses da Dilma Rousseff, aprovado pelo Senado, e a chegada do PMDB no Palácio do Planalto, a filha de Sarney acreditava que seu nome estaria garantido no primeiro escalão do governo federal.

Enganou-se e/ou foi enganada. Roseana perdeu uma disputa particular/familiar com o irmão, o deputado federal Sarney Filho (PV), escolhido por Temer para ser o novo ministro do Meio Ambiente.

Processos

A cúpula nacional do PMDB preferiu não escolher Roseana para compor um Ministério, pelo fato de responder a uma renca de processos na justiça maranhense por indícios de corrupção relativos ao período que governou o Estado, a exemplo da denúncia formulada pelo promotor Lindonjonson Gonçalves de Sousa, diz que recursos de cerca de R$ 151 milhões foram desviados do Programa Saúde é Vida (REVEJA).

Roseana também é acusada de receber propina nas dependências do Palácio dos Leões. De acordo com a edição de dezembro de 2014 da Revista Veja, Rafael Ângulo Lopez, pagou R$ 900 mil em propina a então governadora (LEMBRE).

Operação Lava Jato

E não para por aí. A ex-governadora do PMDB é citada em um dos depoimentos em regime de delação premiada do doleiro Alberto Youssef. Ela é investigada por suspeita de receber propina para que o governo do Maranhão antecipasse o pagamento de um precatório de R$ 120 milhões às construtorasUTC/Constran. O pagamento teria sido intermediado por Youssef.

Por essas e tantas outra, Michel Temer preferiu manter Roseana longe de seu governo. Apesar do próprio presidente da República interino e ao menos sete ministros do novo governo estarem com seus nomes citados nas investigações da Operação Lava Jato. Romero Jucá é o mais enrolado e Geddel Vieira Lima e Henrique Alves ganharão foro privilegiado; outros quatro constam na lista da Odebrecht.

Barraco

Segundo fontes próximas à família Sarney, assim que Roseana tomou conhecimento que seu nome não constava entre os Ministros do novo governo, quebrou o que viu pela frente. Até as cartas de baralho ela jogou pela janela do tríplex onde reside atualmente na Península da Ponta D´Areia, em São Luís.

Por Domingos Costa

Deixe uma resposta