JOÃO ALBERTO: COM EDIVALDO JÚNIOR NÃO VAMOS DE JEITO NENHUM

Comentários 0

Screen Shot 07-18-16 at 08.59 AM

A declaração do senador João Alberto de Sousa, na última sexta-feira, foi catastrófica para as pretensões do prefeito Edivaldo Júnior (PDT).

– Com Edivaldo Júnior não vamos de jeito nenhum. O partido jamais irá com alguém vinculado ao grupo de Flávio Dino – afirmou o senador, na última sexta-feira. (Releia aqui)

Ao declarar-se contrário ao projeto Holandinha/Dino, João Alberto não apenas desqualificou os atores peemedebistas que tentam atrelar o partido ao projeto comunistas como também exortou o próprio grupo a uma reflexão.

E a exortação atinge não apenas o PMDB, mas todas as legendas historicamente vinculadas ao grupo Sarney.

Que sentido faz ao PMDB, depois de derrotado por Flávio Dino nas eleições de 2014, juntar-se agora, aos seus próprios algozes?

Que sentido faz as declarações do deputado estadual Adriano Sarney, pela ausência injustificada do prefeito Edivaldo Júnior  no evento do seu PV, se, o mesmo PV cogitar alinhar-se ao mesmo Holandinha?

O que João Alberto fez ao rechaçar o prefeito pedetista foi exercitar uma frase do ex-presidente José Sarney, que comentou assim o resultado das eleições de 2014:

– O povo nos escolheu para estarmos na oposição. (Leia aqui)

Ao demarcar o projeto do PMDB para 2016 – mesmo diante da letargia, e até da omissão, de algumas lideranças do partido – João Alberto mostra que quer seguir caminho próprio em 2018, sem atrelamentos eleitorais de ocasião.

E isso inclui até mesmo uma candidatura dele ao Governo do Estado.

Mas esta é uma outra história…

Por Marco Aurélio D’Eça

Deixe uma resposta