JOVEM ACUSADO DE TEXTO PEJORATIVO CONTRA POLICIAIS EM REDE SOCIAL (WHATSAPP), DISSE QUE O SEU APARELHO CELULAR FOI ROUBADO

Comentários 0

O Blog do André Araújo foi procurado na manhã de hoje (7), por Valdielson Costa Santos, 27 anos, morador do bairro Trizidela, Bacabal, para dar explicações sobre um fato que envolveu a sua pessoa, quando teve, segundo a sua versão, o seu celular roubado por dois desconhecidos na noite da última sexta-feira.

screen-shot-01-07-17-at-06-56-pm

VALDIELSON COSTA SANTOS

A versão de Valdielson é que estava nas proximidades da Febac, precisamente em frente a uma oficina mecânica, onde parou por volta das 19h30, para se abrigar debaixo de um toldo em virtude da chuva que caía na cidade de Bacabal. Disse ainda Valdielson que os acusados do roubo do seu celular, aproveitaram quando os funcionários da citada oficina, baixaram o portão da empresa, momento em que foi surpreendido por duas pessoas que estavam em uma bicicleta e armados com uma faca, onde anunciaram o assalto e levaram o seu aparelho telefônico com o chip de número (99) 9 8271-1014.

Porém, minutos depois, ainda, versão de Valdielson,  começou a circular na rede social (Whatsapp), um texto em que dizia que  existem muitos policiais “salientes” e que mereciam era  um “tiro de fuzil na cara”, fato negado veementemente.

screen-shot-01-07-17-at-06-48-pm

Disse ainda Valdielson que o seu aparelho não possuía senha, que não digitou o texto e que ficou sabendo do fato através de uma irmã. Que ficou apavorado e na manhã de hoje (7) procurou a delegacia do 1º distrito policial de Bacabal para registrar a ocorrência, porém, o sistema estava fora do ar. Imediatamente foi até o 15º Batalhão de Polícia Militar onde conversou com alguns policiais e deu a sua versão sobre o ocorrido.

O acusado também aproveitou a oportunidade para pedir desculpas sobre o que segundo ele, foi um mal entendido e que jamais colocaria tal redação em qualquer grupo.

VEJA A ENTREVISTA

Deixe uma resposta