SEMUS EXPLICA OCORRIDO COM RECÉM-NASCIDO NO HMMI

Comentários 0

A Secretaria Municipal de Saúde de Bacabal vem a público informar sobre o acontecimento do caso do recém-nascido no Hospital Materno Infantil.

Que a criança de 7 dias de vida juntamente com sua mãe que faz tratamento preconizado pelo Ministério da Saúde de Patologia de notificação compulsória da qual a maternidade de Bacabal está apta a realizar como referência para tal.

Que gestantes portadoras desta patologia sejam devidamente avaliadas por obstetra e submetidas ao parto não vaginal para tão longo submeter o RN ao devido tratamento.

Que dentro dos padrões de todo e qualquer medicamento que conste no hall de aprovados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) tem suas reações adversas descritas, fato este que desencadeou reações no referido RN.

ue foi devidamente atendido e submetido a procedimento cirúrgico por profissional médico cirurgião com Registro de Qualificação de Especialidade (RQE), e posteriormente encaminhado para centro especializado em nossa capital São Luís do Maranhão para que seja devidamente assistido e continuado o seu tratamento e que seja restabelecida a sua saúde integral.

Atenciosamente,

Silas Duarte de Oliveira

Secretário Municipal de Saúde de Bacaba/ Bacabal (Ma), 23 de novembro de 2018

Deixe uma resposta