19º BPM DE PEDREIRAS (CPAI-1): PMMA FIRMA CONVÊNIO PARA A IMPLANTAÇÃO DO PROERD NOS MUNCÍPIOS DE PEDREIRAS, TRIZIDELA DO VALE E ESPERANTINÓPOLIS. QUASE 3.OOO CRIANÇAS SERÃO BENEFICIADAS COM O PROJETO. O EVENTO CONTOU COM A PRESENÇA DA CORONEL PM AUGUSTA

Comentários 0

Serão 864 crianças de nove escolas da Rede Municipal de Ensino atendidas com o Programa Educacional de Resistência e Combate às Drogas (PROERD), em Pedreiras. O protocolo para a implantação foi assinado em solenidade nesta quarta-feira (20) pelo prefeito Antônio França e pela secretária Municipal de Educação, Débora Regina Sousa, com a Polícia Militar. O evento contou com as presenças da Coronel PM Augusta (Coordenadora Estadual do Proerd), Major PM Ricardo (Comandante do 19º BPM) da cidade de Pedreiras e do Major PM Capelão Francisco Raposo. Também esteve presente a Juíza da 3ª Vara da Comarca de Pedreiras, Larissa Tupinambá. O evento aconteceu no Campus da Uema.

MAJOR PM RICARDO, CORONEL PM AUGUSTA, PREFEITO ANTONIO FRANÇA E DÉBORA FRANÇA (SEC. DE EDUCAÇÃO)

CORONEL PM AUGUSTA (ASSINANDO PROTOCOLOS)

Também presentes à solenidade, prefeito  Aluizinho Filho (Esperantinópolis); padre José Geraldo, do santuário de São Benedito, pastores evangélicos Apóstolo Neto e Augusto; vereadores Ceiça, Totinho Sampaio, Zé Renato e Zezinho do Amor; secretários e assessores.

O Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência também está sendo implantado nas cidades de  Trizidela do Vale e Esperantinópolis.

DRA. LARISSA TUPINAMBÁ (JUÍZA DE DIREITO)

Em Trizidela do Vale o evento aconteceu na manhã de hoje (20) na sede da Câmara Municipal da cidade  e contou com a presença da secretária de Educação da cidade, Márcia Maia, vereadores, policiais militares, juízes, religiosos, secretários municipais e servidores da educação do Município de Trizidela do Vale.

PREFEITO ALUIZINHO FILHO (ESPERANTINÓPOLIS)

MAJOR PM CAPELÃO FRANCISCO RAPOSO

PADRE JOSÉ GERALDO

“A gente fica feliz com à adesão. Esse é um trabalho que se faz com parceria. Ele é um projeto mundial e teve início nos Estados Unidos, sendo um projeto com credibilidade, é um projeto que tem vida própria, porque dentro do estado do Maranhão, ele é uma política de governo, para que realmente a gente possa preparar essas crianças para o futuro.” Disse a coronel PM Augusta.

MAJOR PM RICARDO (CMT DO 19º BPM)

A juíza titular da 3ª Vara da Comarca de Pedreiras, Larissa Tupinambá, explanou sobre a importância do programa. “É uma possibilidade de apresentarmos aos nossos jovens um novo caminho, diferente dos caminhos das drogas, que só conduz à morte ou à prisão. Mostrando a polícia como exemplo, como uma referência para que eles mudem a perspectiva de vida e possam estes jovens fazerem diferente sem se entregarem às drogas”, afirmou.

Para o Major PM Ricardo, comandante do 19º BPM de Pedreiras, disse: Temos que nos aproximar das nossas crianças e não deixá-las se aproximarem do mundo do crime. Você se aproxima de uma criança com vulnerabilidade deve ajuda-la, porque se não, possa ser que ela entre no ciclo do crime e você pode passar a ser vítima. Com estas ações estaremos formando quase 3.000 proerdianos e em agosto estaremos implantando, também, a Patrulha Maria da Penha”, disse o Oficial. (Informações: Sandro Vagner, Tony Maranhão e Carlinhos Filho).

Deixe uma resposta