MARANHÃO REGISTRA 31 CASOS DE FEMINICÍDIO EM OITO MESES

Comentários 0

Dados são da Delegacia da Mulher do Maranhão. O último caso foi registrado na madrugada deste sábado (17) em Itapecuru-Mirim, interior do estado.

Maranhão já registrou 31 casos de feminicídio em 2019

De janeiro a agosto deste ano, o Maranhão já registrou 31 casos de feminicídio, de acordo com dados da Delegacia da Mulher. Durante o mesmo período no ano passado, o estado obteve 28 feminicídios.

Segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-MA) revela que em 2019, 43 mulheres foram assassinadas no estado e já em 2017, 51 casos de feminicídio foram registrados. De acordo com um levantamento do Ministério Público do Maranhão (MPMA), 79% dos autores de crimes no estado são companheiros ou ex-companheiros da vítima.

FOTO: REPRODUÇÃO/TV MIRANTE

Dados do Ministério Público do Maranhão (MPMA) apontam que 79% dos feminicídios são cometidos por ex-companheiros ou companheiros das vítimas. — Foto: Reprodução/TV Mirante Dados do Ministério Público do Maranhão (MPMA) apontam que 79% dos feminicídios são cometidos por ex-companheiros ou companheiros das vítimas. — Foto: Reprodução/TV Mirante

Dados do Ministério Público do Maranhão (MPMA) apontam que 79% dos feminicídios são cometidos por ex-companheiros ou companheiros das vítimas. — Foto: Reprodução/TV Mirante

Os dados do MPMA mostram que a maioria dos casos, cerca de 58%, é registrado na casa das mulheres e a maioria é morta por armas brancas. O último caso foi registrado na madrugada deste sábado (17) no município de Itapecuru-Mirim, localizado a 108 km de São Luís.

A vítima identificada como Taynara Cristina, de 23 anos, foi assassinada a golpes de faca pelo companheiro, Francisco Linhares. De acordo com a Polícia Militar, o casal estaria em um bar quando iniciou uma discussão que teria sido motivada por ciúmes.

Após o crime, o suspeito fugiu do local e continua foragido da polícia. Taynara Cristina e Francisco Linhares estavam juntos por cerca de três anos, e segundo familiares da vítima, sempre brigavam por conta dos ciúmes do companheiro. (G1MA).

TAYNARA CRISTINA E FRANCISCO LINHARES ESTAVAM JUNTOS HÁ TRÊS ANOS — FOTO: DIVULGAÇÃO/REDES SOCIAIS

Deixe uma resposta