CASAMENTO COMUNITÁRIO OFICIALIZARÁ UNIÃO DE 200 CASAIS NO MARANHÃO

Comentários 0

É bom lembrar que se um ou os dois noivos tiver idade entre 16 e 18 anos, os pais devem estar presente para assinar o termo de autorização da união.

A 2ª Vara de Coroatá realizará duas edições do Projeto “Casamentos Comunitários”, no dia 9 de março, às 16h, para casais da sede e no dia 10 de março, no termo judiciário de Peritoró, às 16h. Para esta edição foram oferecidas 200 vagas para casais de baixa renda que moram nestas cidades.

Em Coroatá, a solenidade será realizada no auditório do Colégio Complexo Educacional, (Travessa Vitorino Freire, s/nº, Centro). Em Peritoró, no Ginásio Municipal (Rua da Prata, s/nº, Centro).

Estão aptos a participar do evento matrimonial os casais de baixa renda. Todos os atos de Registro Civil necessários à realização do Projeto Casamentos Comunitários, no Termo Judiciário serão gratuitos, sendo vedada a cobrança de qualquer taxa ou despesa extraordinária pela serventia extrajudicial.

Para a realização do casamento, os interessados deverão ter em mãos a certidão de nascimento (original) dos nubentes, sendo solteiros, certidão de casamento (original) com anotação de óbito do cônjuge falecido para nubente(s) viúvo(s), sentença declaratória de nulidade ou de anulação de casamento transitada em julgado, certidão de casamento (original) com o divórcio averbado em cartório, para nubentes divorciados, carteira de identidade e CPF de ambos os nubentes – frente e verso (original e cópia), comprovante de endereço de São Luís dos noivos e duas testemunhas, com carteiras de identidade (original e cópia).

É bom lembrar que se um ou os dois noivos tiver idade entre 16 e 18 anos, os pais devem estar presente para assinar o termo de autorização da união. (G1MA).

Deixe uma resposta