Browsing: André

O delegado Odilo Sena, titular do 21º Distrito Policial, indiciou nove pessoas suspeitas de furtar gado na zona Rural de Teresina. Segundo as investigações, os indiciados realizaram os furtos  durante quatro anos e causaram prejuízo “terrível” a pequenos produtores da capital. 

Os indiciados são identificados como Luis Sousa das Neves, Belarmino Gomes de Oliveira Filho,João José Soares da Silva Neto,Jociane Rodrigues da Silva, Fredson Rodrigues Magalhães, Valmir Rodrigues da Silva, Alan David Morais de Araújo,Waldete José da Mota, Edson Gonçalves de Sousa. Os indiciamentos foram pelos crimes de furto qualificado, organização de criminosa e receptação qualificada. 

O delegado Odilo Sena conta que, só na zona Rural de Teresina, o grupo teria furtado gados de pelo menos 30 famílias e realizavam de um a dois furtos por semana. O prejuízo é estimado em mais de R$600 mil. 

“Eles recebiam informações privilegiadas de moradores de localidades informando onde tinha gado e agiam de madrugada quando os produtores estavam dormindo.  Eles usavam caminhões ou pequenas camionetas para transporte os gados furtados “, afirma o delegado Odilo. 

Além da zona Rural de Teresina, o grupo é suspeito de agir em outros municípios como Pau D’Arco e Altos. No Maranhão, segundo as investigações, a organização  furtava gados nas cidades de Bacabal e Caxias. 

“Eles levavam esses gados para açougue clandestino, vendiam carne em Teresina e Timon(MA) e comercializavam essa carne sem nenhum controle sanitário”, acrescenta o delegado. 

Depois que as investigações iniciaram não houve registros de furto de gados na área do 21º DP.  

Os indiciados também foram investigados pela Polícia Civil de Altos. As penas podem chegar até a 26 anos de prisão. (Fonte: cidadeverde.com).

Mais de 8 mil munições de diversos calibres, além 1.000 tubos de pólvora e 12.000 espoletas foram apreendidas nesta quinta-feira (12) durante operação da Polícia Civil do Estado do Maranhão, em ação conjunta da Delegacia de Polícia de Coroatá e da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (SENARC).

Duas pessoas, que não tiveram os nomes divulgados pela Polícia Civil, foram presas em flagrante pela prática do crime de comércio ilegal de arma de fogo de uso permitido. Conforme apontam as investigações, os suspeitos comercializariam a munição na cidade de Coroatá, a 260 quilômetros da capital, e em outras cidades do Maranhão.

Segundo o delegado Francisco Fontenele Junior, a carga era transportada em um fundo falso de um caminhão baú. Os indivíduos permanecerão em cárcere, até decisão judicial, para que sejam encaminhados para um presídio da região. (Ma10).

O Congresso Nacional aprovou a abertura de crédito ao Orçamento no valor de R$ 63.415.034, recurso que a União vai emprestar ao Maranhão, para que o estado possa quitar precatórios estaduais vencidos (PLN 36/2019). A abertura de crédito se deu após decisão liminar do ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal (STF), em julho.

O governo Bolsonaro já repassou R$ 24 milhões ao estado (saiba mais).

A liminar foi concedida no Mandado de Segurança (MS) 36375, impetrado pelo estado nordestino. A intenção era determinar que a União providenciasse a abertura de linha de crédito especial para que o Maranhão pudesse pagar precatórios submetidos ao regime especial. Essa linha de crédito estava prevista na Emenda Constitucional 99, que estendeu o prazo para que os estados pagassem essas dívidas e criou o regime especial.

O valor total pleiteado pelo Maranhão é de R$ 623,5 milhões. O valor do crédito de R$ 63,4 milhões é referente apenas à primeira parcela. Na mensagem de abertura de crédito enviada ao Congresso, o Executivo lembra que ainda não houve a decisão final do STF. O depósito do valor da primeira parcela é uma forma de demonstrar boa-fé, segundo a União.

Com informações da Agência Senado.

A Prefeitura de Bacabal por meio da secretaria de Assistência Social, promoveu em grande estilo o “Natal dos Idosos” na manhã de terça-feira (10) no Centro de Convivência Social – CCS. A programação foi de emocionar. Destaque para o Coral dos Idosos que apresentou canções temáticas natalinas. O Coral da Escola de Música também participou da programação que ainda contou com apresentações da coreógrafa Fabiana Lopes e Assis Viola.

A primeira-dama e secretária de Assistência Social, Ivaneide Brandão, comandou a programação ao lado do prefeito Edvan Brandão e sua comitiva formada pela vice-prefeita Graciete Lisboa, vereadores e secretários municipais. Foi realizado sorteio de brindes, lanches e muita emoção pela realização do evento.

Ivaneide Brandão, não escondeu a alegria pela programação que foi mais uma demonstração de atenção e cuidado para com os idosos da cidade que durante o ano inteiro receberam no CCS as ações da secretaria de Assistência Social. “Estou muito feliz pois vejo a alegria de todos que estão aqui em mais um evento que não poderia ser diferente, com muito amor e carinho que estamos fazendo esse natal porque nossos idosos merecem isso e muito mais. Obrigado ao nosso prefeito e a essa equipe maravilhosa que trabalha comigo por meio da secretaria de Assistência Social”, disse a secretária.

O prefeito Edvan Brandão aproveitou a oportunidade para ressaltar que como gestor da cidade tem se esforçado ao máximo para fazer o melhor pelos bacabalenses. Ele citou por exemplo, que só irá descansar quando asfaltar toda a cidade de Bacabal. Edvan Brandão ainda falou sobre a importância de se valorizar a terceira idade e por isso tem apoiado todas as iniciativas do CCS. “Digo a vocês que estou emocionado por essa programação e com certeza em 2020 nosso trabalho vai continuar sempre com muita responsabilidade por todos vocês,” afirmou Edvan Brandão.

Da Assecom.

Tá a fim de morar bem? Esta é a sua oportunidade, casa com garagem, corredor, dois quartos forrados, um cozinha grande, banheiro e área de serviço. Bem localizada, fica na Vila Coelho Dias a poucos metros do centro da cidade. Um bairro que dispõe de todos os serviços básicos: restaurantes, padarias, supermercados, farmácias e muito mais.

O que você tá esperando? E o preço? Acessível, apenas 70.000 mil reais.

Contato: (99) 9 8468-7973.

 

Entende-se por educação ambiental os processos por meio dos quais um indivíduo e a coletividade constroem valores sociais, conhecimentos, habilidades, atitudes e competências voltadas para a conservação do meio ambiente, bem de uso comum do povo, essencial à sadia qualidade de vida e a sua sustentabilidade. (Lei N° 9.795/99 – Política Nacional de Educação Ambiental).

Em meio ao processo de crescimento e desenvolvimento do município de Bacabal, têm-se observado a necessidade de uma postura diferente dos cidadãos no quesito relacionamento com a natureza, sendo necessária a motivação e reflexão sobre o bom uso dos recursos naturais, dentre os quais a inclusão do meio ambiente na Constituição de 1988, com responsabilidade de todos;  a promulgação das Políticas Nacionais de Educação Ambiental (Lei N° 9.795/99) e de Meio Ambiente (Lei n° 6.938/81) que preveem a promoção da Educação Ambiental em todos os níveis e modalidades de ensino e em outros espaços sociais não formais; e ainda, a reorientação curricular produzida pelo MEC por meio dos Parâmetros Curriculares Nacionais onde o Meio Ambiente foi incluído como um Tema Transversal.

Em nível de Estado existem  o Código de Proteção do Meio Ambiente (Lei Estadual n° 5.405/92) que explicita a educação ambiental em diversos capítulos e artigos.

Em meio a esse contexto, a escola precisa (re)conhecer-se como ente social capaz de influenciar e contribuir para minorar o quadro de degradação social e ambiental que atende os Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Fundamental.

O projeto ora apresentado pelo vereador Egídio Amaral seria um verdadeiro marco para o município, pois uma cidade limpa e sustentável se tornam mais atraentes para moradores e possíveis investidores, uma vez que os índices de progresso, de educação, saúde e felicidade da população têm íntima ligação com a qualidade do meio em que vivem e trabalham os seus munícipes.

Porém, o projeto de Lei do Vereador Coronel Egídio que trata sobre a Implantação da disciplina de Meio ambiente no currículo escolar das escolas da rede pública no âmbito do município de Bacabal, foi julgado Inconstitucional, ou seja, reprovada pela  Câmara municipal de Bacabal.

O curioso e o que a população não está entendendo é que projeto similar foram aprovados e já estão em vigor em algumas cidades como  Pato Branco (Paraná)Campinas (São Paulo)Rondonópolis (Mato Grosso)São Lourenço da Mata (Pernambuco)São Paulo e Porto Alegre e outras cidades.

Daí surgem alguns questionamentos, senão vejamos:

  • Será que todas estas cidades supramencionadas feriram a Constituição da República Federativa do Brasil?
  • Será que o Brasil possui mais que uma Constituição, sendo uma para o restante do país e outra específica para a Câmara Municipal de Bacabal?
  • Será que todos estes edis das cidades citadas em que foi aprovado projeto igual ao do vereador Egídio Amaral não entendem nada sobre leis, somente os edis de Bacabal?
  • Quais os critérios utilizados e as justificativas para a rejeição do projeto?
  • O povo quer saber quais os vereadores que fazem parte da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Municipal de Bacabal.

Com a palavra o senhor presidente da Câmara Municipal de Bacabal, vereador Manuel da Concórdia.

O professor Jerry Ibiapina, Secretário Adjunto da Educação do Município de Bacabal em companhia da coordenadora pedagógica do EJA (Educação de Jovens e Adultos), Vânia Brito estão fazendo visitas de incentivo às turmas do programa. O objetivo é o acompanhamento de cada aluno visando o estímulo e a não evasão. Um compromisso com o estudo, respeito aos professores  e a preocupação com o futuro e o mercado de trabalho de cada um.

Todas as escolas serão visitadas, onde diretores, professores, estudantes e a comunidade estão sendo ouvidas em busca de uma sociedade suprema, através do bem maior de um povo – a Educação.

“Por entendermos que a nossa sociedade,  em especial , a nossa juventude, precisa desse suporte humano para que a auto reflexão e a preocupação consigo e com a sociedade,  por uma sociedade melhor, permaneçam diariamente vivas dentro de cada um é que estamos nesta luta, em prol de uma educação de qualidade”, disse o secretário Adjunto de Educação Jerry Ibiapina.

Em atualização

Um Agente Penitenciário lotado no Centro de Ressocialização de Piratininga foi preso por determinação de uma Juíza da comarca de Bacabal durante a realização de uma audiência. Fato ocorrido na manhã desta terça-feira, 10 de dezembro.

Segundo palavras do Sargento PM Castro em entrevista ao repórter e âncora Romário Alves,  o fato deu-se em função da magistrada ter autorizado o encontro do preso que participaria da audiência naquele fórum com um membro da família deste.

Diante do fato o Agente Penitenciário teria dito que o regulamento de segurança não permitiria aquele tipo de conduta,  mas, que não se oporia,  desde que o ato fosse consignado em ata, momento em que a magistrada pediu o apoio policial e a condução do Agente Penitenciário.

Com a palavra às partes envolvidas para as suas versões.

Mais detalhes com o âncora Romário Alves, programa Bandeira 2 (TV Difusora/Bacabal), de segunda a sexta-feira, às 06h45. 

1 2 3 357